Como preparar a sua empresa para uma crise financeira?

Um cenário de crise financeira pode ocorrer por diversos motivos e ter diferentes impactos nas empresas. Em alguns negócios podem ser mais previsíveis, como falta de controle do orçamento interno, e outros podem ser totalmente imprevisíveis quando estão ligadas a fatores externos, como foi o caso da pandemia da Covid-19. 

Se você se preocupa em cuidar melhor da saúde financeira, é essencial ter um plano estratégico que prepare a sua empresa para diferentes cenários. Infelizmente, grande parte das pequenas empresas não dedicam tempo suficiente para elaborar um planejamento eficiente. Mas nada como uma crise, para dar mais importância a isso, não é mesmo? 

Neste artigo vamos falar sobre a importância da aplicação de algumas medidas preventivas. Acompanhe!

Considere os melhores e os piores cenários

A projeção de cenários faz parte do plano de negócios e contribui para a tomada de decisões  sob diferentes óticas da empresa. Entre os aspectos que devem ser definidos e bem avaliados estão:

Gestão estratégica: diz respeito aos caminhos que a sua empresa deve seguir e seu posicionamento no mercado. É extremamente importante que seja compartilhado com a equipe, para que todos estejam alinhados em prol de um mesmo objetivo. 

Gestão financeira: deve considerar diferentes cenários para o uso dos recursos financeiros e orçamentos disponíveis para cada setor. Sem esquecer de levar em consideração, claro,  uma reserva em caso de emergências. 

Cenários econômicos: diz respeito às variáveis externas que podem impactar os resultados do seu negócio e do poder aquisitivo de seus consumidores. 

Construção de cenários 

Com base nestas situações podemos simular situações realistas, pessimistas e otimistas. O cenário realista, por exemplo, leva em consideração os acontecimentos mais prováveis de acontecer no seu negócio. 

O cenário otimista projeta um ambiente favorável à organização, ou seja, os acontecimentos que são a favor da empresa e permitem que ela bata suas metas. Já um cenário pessimista é o oposto do anterior –  antecipa as piores situações de receita, investimentos, custos e despesas.

Confira um modelo simples de tabela para realizar esta análise:

Ações corretivas e preventivas

A partir das situações levantadas acima, você consegue analisar de forma mais clara e objetiva o que deve  evitar e/ou potencializar nas atividades da sua empresa, como estratégia de sobrevivência ou de crescimento em um período pré-estabelecido. 

Dedique tempo para realizar o planejamento financeiro 

As empresas que realizam um planejamento financeiro e avaliam seus gastos de forma contínua conseguem prever a tempo possíveis imprevistos, além de estarem mais preparadas para reduzir custos em uma possível crise.

É importante que o empresário estabeleça os seus principais objetivos e a partir dessas metas, defina as prioridades a serem seguidas por cada setor da sua empresa e realize o controle das atividades. Portanto, entenda que: planejamento financeiro não começa necessariamente com números, mas com a definição de onde você quer chegar. 

Qual o valor ideal para uma reserva de emergência?

A reserva de emergência de uma empresa deve corresponder ao seu custo de operação e de funcionamento no período de um mês da sua empresa, tais como: salários, contas fixas e variáveis, matéria prima, entre outros. 

O valor ideal de emergência é ter o equivalente a, pelo menos, 6 meses desse valor. Ou seja, se o custo de funcionamento é de R $15.000 reais, logo, sua reserva de emergência deve ter  R$90.000 reais. 

Resolva os problemas de  inadimplência 

Sua equipe de vendas precisa estar atenta aos clientes inadimplentes para tentar diminuir os prejuízos financeiros e os impactos no seu caixa. Para realizar este monitoramento é muito importante que a sua empresa tenha um histórico de compra dos seus consumidores e que os valores sejam atualizados constantemente.

Este controle dos pagamentos podem ser realizados através de uma planilha ou em um software de gestão para realizar a cobrança das dívidas. Se a sua empresa não tem este controle, sua reserva de emergência ficará comprometida.

Evite que pendências tomem proporções maiores

Algumas pendências podem ser intensificadas durante uma crise econômica. Se o seu nível de endividamento já está alto, por exemplo, dificilmente conseguirá pagar as dívidas, se ocorrer uma queda mais brusca nas vendas devido a uma crise,  portanto é importante quitar e negociá-las o quanto antes.  

Outro exemplo que podemos citar são parceiros e fornecedores que não cumprem os prazos de entrega. Nesse caso, é preciso buscar parceiros mais confiáveis e comprometidos para evitar que sua empresa sofra consequências financeiras por negligência de outra.

Entre outras atitudes que podem ser tomadas para solucionar pequenos problemas estão a revisão de contratos, política de preços e vendas, melhorias e modernização de processos internos e  um relacionamento mais próximo com os clientes.

Preocupe-se com o engajamento da sua equipe

A concorrência acirrada gera constantemente uma  necessidade de desenvolver novas estratégias de vendas e de receitas, além daquelas que a empresa possui atualmente. Por isso, é preciso estar de olho no mercado para não ficar para trás!

Acreditamos que toda empresa tem a capacidade de inovar e de ser criativa em coisas simples e que nem sempre exigem grande investimento, mas podem fazer toda a diferença no faturamento. O segredo para isso é incentivar um ambiente colaborativo e aberto ao diálogo, para que as pessoas se sintam confortáveis em propor melhorias e sugestões. 

Afinal, quem tem melhor desempenho em uma crise?

As pequenas empresas, que não têm controle financeiro, são as primeiras a sentirem os impactos negativos. Mas além disso, deve-se levar em consideração o  capital de giro necessário para suportar períodos mais longos, como temos visto durante a pandemia do coronavírus.

Esperamos que as dicas mencionadas acima  tenham contribuído para melhorar a gestão da sua empresa. Se a sua empresa conseguir prever riscos e se preparar para isso, maiores são as chances de não fechar as portas e de se destacar no mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não quer perder nada?
Então faça o seu cadastro!

Ao clicar em CADASTRAR, você CONSENTE em  receber comunicações por e-mail!