Gestão de negócios: para crescer é preciso ser eficiente

As micro e pequenas empresas têm um papel significativo na economia brasileira e na geração de empregos. Mas, infelizmente, muitas delas possuem um alto índice de mortalidade nos primeiros anos de vida, muitas vezes devido a falta de uma gestão e planejamento eficiente.

Entre os principais problemas enfrentados pelas MPE’s estão: planejamento financeiro para investir em novas ações, falta de equipe qualificada, ausência de infraestrutura, falta de conhecimento sobre as tecnologias e a  dificuldade de encontrar parceiros ou fornecedores estratégicos para potencializar os negócios.

Para que a sua empresa tenha um desenvolvimento sustentável e de longo prazo, realizamos um levantamento de boas práticas de gestão de negócios destinadas aos empreendedores com o objetivo de melhorar os resultados. Então, se liga!

Qual a importância da gestão de negócios?

As empresas que se preocupam em ter uma boa gestão conseguem aumentar a eficiência e produtividade da equipe, e ainda podem aproveitar oportunidades de mercado para reagir à concorrência e se destacar no mercado. 

Além de influenciar na lucratividade e atendimento aos clientes, uma boa gestão de negócios evita várias dores de cabeça à medida que alinha os esforços de toda a equipe em prol de um mesmo objetivo. 

Os empreendedores que conseguem analisar quais são os pontos fortes e fracos do seu negócio, e identificar oportunidades de melhorias e ameaças para traçar um plano de ação tem muito mais chances de sucesso e se sentem mais seguros nas tomadas de decisões. 

 gestão de negócios

 

Entretanto, grande parte das empresas são ainda muito operacionais e com isso gastam muito mais tempo “apagando fogo” e resolvendo problemas urgentes. Mas essa cultura de fazer tudo em cima da hora inibe muitas ações estratégicas que poderiam trazer resultados mais satisfatórios. 

Visão sistêmica da gestão de negócios

Precisamos ressaltar também que todo negócio tem um ciclo de vida: ele se inicia com o sonho de seu fundador, passa por erros e acertos, crises e oportunidades, e amadurece com o decorrer do tempo até se tornar sustentável. Ou seja, dificilmente um empresário vai ter uma trajetória linear de sucesso, então não se preocupe com isso.

O seu foco de atenção deve estar no aprendizado durante este percurso e a velocidade das mudanças para se adaptar ao novo comportamento do  consumidor e se manter à frente dos concorrentes. Entender este cenário dinâmico e antecipar-se frente aos desafios, são caminhos importantes para que as empresas sobrevivam e se destaquem no mercado.

Quais são os principais tipos de gestão?

1- Gestão financeira: refere-se a um conjunto de ações e procedimentos que envolvem planejamento, análise e o controle das atividades financeiras da empresa. Uma gestão financeira adequada possibilita uma visão realista da situação atual da empresa, a análise e a tomada de decisões com base em dados, fatos e informações. 

2- Gestão mercadológica: faz o gerenciamento de todo o mercado com o objetivo de identificar as necessidades dos consumidores e verificar os produtos/serviços com mais chances de saída. O time de marketing e o time de comercial ajudam a estruturar as melhores estratégias de vendas e de captação de clientes

3- Gestão integrada: os diretores ou gestores devem criar um sistema integrado onde todas as áreas devem convergir para os mesmos objetivos. Isso possibilita identificar o que cada área está fazendo e quais são as oportunidades para potencializar os resultados somando todos os esforços.

Defina melhor quais são as suas prioridades: conheça a Matriz GUT 

É bastante comum os empresários ficarem sobrecarregados com atividades no dia a dia. Entre os fatores estão: uma gestão centralizadora e/ou a falta de confiança nos colaboradores, equipe enxuta, falta de gestão do tempo e definição das prioridades. 

Para que você resolva todos os problemas e ações no tempo certo, queremos que você conheça a Matriz de Prioridades: uma ferramenta super simples e prática para você agilizar as suas tomadas de decisão, delegar o que for possível e estabelecer níveis de importância para executar. Veja abaixo:

gestão de negócios

 

Com a prática, você vai conseguir mentalizar o que precisa fazer sempre que chegar uma nova tarefa. Isso facilitará o seu planejamento da semana, sem perdas e prejuízos, muito pelo contrário, vai melhorar a sua produtividade com foco nos objetivos da empresa. 

Quer conhecer mais ferramentas de gestão para potencializar o seu negócio?

A CDL/BH preparou um guia completo de gestão de negócios para a sua empresa otimizar as estratégias de marketing e captação de clientes, ter mais segurança nas transações e pagamentos com os clientes, e ficar por dentro das tecnologias acessíveis no mercado para administrar bem o seu negócio e muito mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não quer perder nada?
Então faça o seu cadastro!

Ao clicar em CADASTRAR, você CONSENTE em  receber comunicações por e-mail!