cadastro de clientes atualizados

Como manter o cadastro de clientes atualizados? Confira 7 dicas

Na era da informação, as empresas que conseguem obter mais destaque são aquelas que detêm maior conhecimento sobre o mercado. E isso não se restringe aos dados sobre a concorrência e às novas tecnologias: compreender os clientes é algo indispensável.

É a partir deles que decisões poderão ser tomadas e estratégias, estabelecidas. Por isso, manter um cadastro de clientes atualizados é crucial.

A realidade, porém, é que muitas organizações negligenciam a manutenção de cadastros dos consumidores — e isso é impensável com a velocidade com a qual as coisas acontecem. Portanto, reunimos, neste artigo, 7 dicas para que essa atualização seja feita com sucesso. Confira!

1. Faça um tratamento de dados

O tratamento de dados, além de evitar a duplicação de informações, permite múltiplas formas de agrupamento. Essa deve ser uma das primeiras coisas a se fazer no processo de atualização, visto que tal procedimento será o responsável pela organização e compilação de toda a informação até então obtida.

Além de eliminar a duplicação de dados, mesclando-os, o tratamento serve também para padronizar as informações. Isso inclui, por exemplo, trazer telefones, cidades e documentos no mesmo formato, facilitando, assim, as pesquisas posteriores.

A segmentação dos clientes também deve ser feita durante o processo. Isso é especialmente importante se a sua empresa atende ao mercado B2B, categorizando os clientes de acordo com as necessidades do negócio. Você também pode enriquecer o cadastro com novas informações e classificar os consumidores quanto à frequência de compras.

2. Centralize diversas fontes de cadastro em uma planilha única

Depois de concluído o tratamento das informações, é hora de centralizá-las em uma mesma planilha. Além de trazer maior organização para a sua equipe, isso faz com que se perca menos tempo procurando por dados — enquanto o relacionamento com o cliente poderia estar sendo enriquecido.

Aliás, vale lembrar que esse agrupamento pode ser estruturado em carteiras de clientes. Por exemplo, se a sua empresa tem clientes com um ticket médio maior, eles podem ficar no mesmo plano, assim a equipe terá maior facilidade em encontrá-los.

A planilha também deve conter recursos que permitam a inserção de dados mesmo após o seu fechamento, além de buscadores que permitam que o time encontre o que procura em pouco tempo. Essa centralização e a facilidade de manuseio deixam os profissionais mais propensos à atualização.

3. Realize pesquisas de mercado e de satisfação

Uma das maneiras de manter o seu cadastro de clientes atualizados é investindo em pesquisas. Tanto as relacionadas ao mercado quanto as ligadas à satisfação são essenciais e trazem várias vantagens para a empresa.

Além da possibilidade de atualizar os dados do público, a organização tem a oportunidade de obter insights sobre o que os consumidores e o mercado pensam sobre ela. A pesquisa serve, também, para medir o nível de satisfação em relação ao atendimento, aos produtos e a outros aspectos, para que, posteriormente, eles sejam aperfeiçoados.

4. Invista no pós-venda

Outra forma de manter um cadastro de clientes sempre atualizado é por meio do pós-venda. Esse relacionamento com o consumidor, mesmo após o término da compra, ajuda a empresa a fazer modificações nos dados, quando necessário, e a estabelecer um contato constante com o público.

Aliás, essa intermediação colabora com as pesquisas de satisfação, auxiliando a companhia na obtenção de feedbacks sobre o atendimento e os produtos ou serviços. Logo, vale treinar a equipe para que ela consiga fazer esse pós-venda de maneira eficaz e manter contato constante com o cliente. Assim, sempre que tiver novidades, será possível fazer novas vendas.

5. Aposte no uso de softwares

O software CRM serve para fazer a gestão do relacionamento com o cliente, permitindo à equipe acompanhar as interações com os consumidores antigos e futuros. Com vários recursos disponíveis, ele é uma das principais ferramentas para manter um cadastro atualizado.

O interessante é que o CRM não serve apenas para compilar dados importantes dos consumidores, mas para que a empresa também consiga nutri-los, a fim de que realizem compras futuras.

Aliás, vale lembrar que o software é um instrumento que ajuda na integração entre os departamentos de vendas e marketing. Ambos são imprescindíveis na aplicação das estratégias apresentadas neste artigo.

Seguindo o mesmo modelo, o SPC Localiza PF é uma solução que oferece aos associados da CDL/BH relatórios completos, com dados cadastrais e históricos de clientes. O software é bastante intuitivo e permite a localização, a confirmação e a identificação de contatos telefônicos, endereços, entre outras informações.

6. Peça a confirmação de cadastro

Essa dica vale principalmente se a companhia está apostando em novas ferramentas de cadastro e precisa atualizá-las. A ideia é simples: mandar um e-mail marketing. Nele, o cliente deve confirmar os dados já registrados ou fazer as modificações necessárias.

Nesse caso, vale a pena até mesmo apostar em atrativos para impulsionar os registros, que podem incluir informações exclusivas por meio de newsletter e descontos em produtos, entre outros. O objetivo é fazer com que a pessoa faça seu registro e, também, acompanhe as novidades da empresa, trazendo vantagens em vários aspectos do negócio.

No entanto, vale a pena reparar se o e-mail voltar ou for ignorado, pois talvez o cliente não o use mais. Logo, é bom tentar o contato por telefone ou, até mesmo, por mala direta, de acordo com o endereço registrado por ele.

7. Registre as visitas aos clientes

Por último, se você tem poucas informações sobre os clientes — principalmente no que diz respeito à comunicação por meios digitais —, registre vendas, visitas realizadas etc. Isso ajudará na hora em que for ter um novo contato com o público para obter mais informações sobre ele.

Esse registro permite uma maior assertividade na produção de relatórios gerenciais, o que também é fundamental na hora de atualizar a situação cadastral dos clientes. Por isso, não negligencie essas informações durante um atendimento: elas servem como complemento.

Atualização e informação são itens obrigatórios em todas as companhias que buscam aumentar as vendas (tanto para consumidores antigos como para novos). Aliás, isso só mostra a preocupação da organização em manter a carteira de clientes ativa.

E você? Ainda está em dúvida sobre como manter o cadastro de clientes atualizados? Utiliza alguma técnica mostrada no artigo ou tem uma dica diferente para os nossos leitores? Deixe o seu comentário e participe da discussão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não quer perder nada?
Então faça o seu cadastro!

Prometemos não enviar spam!